Visualizações

terça-feira, 17 de maio de 2016

" Momentos"

Sabes os momentos únicos que te fazem sorrir, que te fazem vê-los lentamente a passar na tua mente? Aquelas pérolas sem igual, retratos carregados de estrelas, cheiros que pararam no tempo, sabores estonteantes e amores instantâneos... sabes? Guarda-os por entre os braços, guarda-os com muita força, pois são as melhores coisas que algum dia vais ter, mesmo não acreditando nisso.  No entanto, guarda melhor ainda todas as angustias e lágrimas, todos os berros estridentes e todas as vezes em que perdeste a voz por se esgotar em ti as palavras. Emoldura todos os sacrifícios, todos os erros, todas as segundas oportunidades que deste em vão e todas as que em vão investiram em ti e não aproveitaste. Enche o teu quarto de balões e escreve em cada um as tuas fraquezas e defeitos... sabes o que é? Parte da obra-prima em que te tornaste ou te vais tornar, são as mãos que te moldaram e vão moldando...
Sabes o quarto escuro com dunas de pó perdido nessa casa que chamas alma? O quarto onde existe uma tela em branco? Está simplesmente à espera que entres e pintes a história da tua vida, que nua e cruamente pinceles cada tom, cada forma, cada bocado teu... guarda tudo, pois um quadro não se pinta sozinho.